Hotéis Roteiro do Charme – Turismo & Sustentabilidade


Orgânicos com charme

Luís Alexandre Louzada

No início dos anos 90, quando a palavra sustentabilidade ainda não era comum no cotidiano dos ambientalistas e das pessoas preocupadas com o futuro do planeta e da raça humana, algumas mentes pensantes já anteviam o que viria a ser uma opção de conduta para a sociedade atual.

O hotel Rosa dos Ventos abriga a sede da Associação de Hotéis Roteiros de Charme

Uma dessas cabeças se chama Helenio Waddington, fundador e presidente, há quase 20 anos, da Associação de Hotéis Roteiros de Charme, e proprietário, ao lado de Ildiko Waddington, do Hotel Rosa dos Ventos, em Teresópolis (RJ). Criada em 1992, a organização já registrava em seu estatuto o objetivo de “reunir hotéis, pousadas e refúgios ecológicos que, além de uma localização privilegiada, charme, qualidade de serviços e de instalações compatíveis com sua proposta, assumam, ao ingressar na Associação,  o compromisso de preservar os destinos turísticos onde estão localizados e de promover a educação ambiental de todos que dele dependem”.

O trabalho desenvolvido por Waddington continua a dar muitos frutos. Aliás, todos orgânicos, diga-se de passagem. A partir de uma diretriz sustentável, que surgiu com a utilização de resíduos orgânicos na produção de adubo e humus – como forma de evitar seu descarte inadequado – a associação iniciou, de maneira natural, a produção de alimentos sem agrotóxicos e substâncias químicas.

Vários estabelecimentos associados que hoje totalizam 50 unidades em 13 estados brasileiros, reunindo mais de 40 destinos – possuem espaço adequado para a produção de hortaliças, legumes e verduras em suas hortas, de forma orgânica. Tais produtos são, na maioria, usados para consumo interno nos hotéis, através da culinária oferecida a seus hóspedes nos restaurantes. E a receptividade do público é bastante positiva, diante da crescente demanda pelo consumo saudável e pela qualidade de vida.

Mas o trabalho não acaba por aí. Há todo um movimento de conscientização. Diversos hotéis possuem informativos sobre suas práticas ambientais que incluem a valorização dos orgânicos. O Hotel Rosa dos Ventos, em Teresópolis – onde funciona a sede da associação – vem oferecendo, nos últimos cinco anos, um curso voltado para a importância da horticultura orgânica, direcionado a jovens estudantes do curso técnico e básico de hotelaria e às comunidades carentes da região. O programa é organizado pela Comunidade Emanuel, sediada em Venda Nova (RJ-130).

Ações

Além do compromisso de estabelecer uma atividade turística de qualidade, adequada ao meio ambiente e socialmente responsável – os hotéis Roteiros de Charme têm desenvolvido diversas ações no caminho da sustentabilidade. Em 2009, a associação lançou, junto aos hóspedes, uma campanha de plantio de espécies arbóreas nativas da Mata Atlântica, por ocasião do Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho), que se estendeu em 2010, e que também será realizada este ano.

“Muitos hóspedes telefonam perguntando ‘Como vai a minha árvore?’ ” – lembra Helenio Waddington. Segundo ele, a finalidade de ações como essa é “conscientizar os hóspedes sobre a importância da neutralização das emissões de carbono, através de uma atitude singela, porém, muito significativa”.

No momento, Waddington se debruça sobre o seu próximo desafio: a aplicação de indicadores de sustentabilidade, desenvolvidos como ferramenta para assistir na aferição quantitativa da adoção de práticas ambientais.

O aumento da demanda turística nos estabelecimentos, e até mesmo o recente reconhecimento da ONU, podem ser atribuídos, de acordo com o empresário, a um simples fator: “a busca por nichos e produtos diferenciados que proporcionem ao público uma experiência, e não somente uma hospedagem, incluindo o melhor custo-benefício”.

Perfil – Hotéis Roteiros de Charme

  • Estabelecimentos selecionados segundo critérios definidos quanto ao conforto, qualidade de serviços e responsabilidade ambiental e social.
  • Cada unidade oferece entre 10 e 60 apartamentos. Total de quartos da associação: 1042.
  • As unidades atendem às exigências da legislação em vigor, inclusive ambiental.
  • Proprietários dos estabelecimentos se envolvem com ações comunitárias e se comprometem com a preservação ambiental dos destinos turísticos onde os hotéis se localizam.
  • Todos os 50 hotéis associados cumprem as diretrizes contidas no Código de Ética e Conduta Ambiental, desenvolvido pela Associação em 1999 em parceria com a UNEP (United Nations Environment Programme – Paris).

Serviço

Preço médio das diárias nos hotéis: por casal, em apartamento duplo, tipo Standard – R$ 350 (com café da manhã) e R$ 500 (com pensão completa).

Consulte também os pacotes.
Reservas: 0800 025 15 92
Mais informações: www.roteirosdecharme.com.br

________________________________________________________________________________________________________________

<< voltar