Sebrae Alagoas promove II Seminário de Inovação no Agronegócio

 

Dia 22 de junho foi realizado no Sebrae AL, em Maceió, o II SEMINÁRIO DE INOVAÇÃO NO AGRONEGÓCIO. Embora todos estivessem profundamente abalados com a tragédia das chuvas sobre os estados de Pernambuco e Alagoas, o Seminário foi um desses momentos onde o espírito forte do nordestino se apresentou mais uma vez.

Diversos participantes e clientes do Sebrae Alagoas se empenharam para comparecer ao Seminário e assistir as apresentações de palestrantes que vieram de São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte, abordando temas que foram desde produção a mercado, passando por certificação e exportação.

Depois de um minuto de silêncio pelas vítimas das enchentes, o superintendente do Sebrae Alagoas, Marcos Vieira, deu as boas vindas destacando a importância da educação como agente transformador. O compromisso do Sebrae com o tema inovação foi ressaltado pelo Gerente de Agronegócios do Sebrae Paulo Alvim, que fez questão de estar presente neste Seminário, quando o Planeta Orgânico lançou a iniciativa “Nordeste Sustentável”.

 

A SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA E DO DESENVOLVIMENTO AGRARIO – SEAGRI – apresentou o Programa Alagoas Mais Alimentos – Produção Agroecológica Integrada e Sustentável – PAIS.
O objetivo do PAIS é a construção de um arranjo institucional capaz de promover espaços produtivos sustentáveis e de qualidade, respeitando as especificidades sócio-espaciais das populações com identidade rural, visando a melhoria do auto-consumo e a comercialização dos excedentes.

Público beneficiário:
1.000 famílias atendidas – 4.000 pessoas ligadas diretamente a atividade (Unidades Individuais e Coletivas);
Agricultores familiares;
Famílias de baixa renda (igual ou inferior a um salário por mês); Assentados em projetos de reforma agrária;
Remanescentes de comunidades quilombolas e;
Povos indígenas.

Em seguida, Maria Beatriz Martins Costa (Planeta Orgânico) apresentou a iniciativa “Nordeste Sustentável”.

Em 2009 o Nordeste foi responsável pela maior fatia do pequeno crescimento da economia brasileira. Se o mercado interno protegeu o país dos efeitos da crise internacional, isso é mais verdade no Nordeste, região de baixíssima exposição internacional, formada em sua base por uma legião de consumidores emergentes. “Esse pedaço do Brasil está descobrindo o próprio caminho para o crescimento, com o empreendedorismo local, o desenvolvimento tecnológico, dos serviços, do turismo e da construção civil”, afirmou o economista Maílson da Nóbrega, sócio da Tendências a revista EXAME.

Em 2010, o crescimento na região nordestina também deve ser maior do País.

Desde o lançamento da Sala Nordeste-Cerrado, na ExpoSustentat em 2006, ( a partir de 2007 Iniciativa Caatinga-Cerrado) o Planeta Orgânico vem promovendo o valorização de produtos da Região Nordeste.

Sala Caatinga-Cerrado

Sala Caatinga-Cerrado

Em 2011 o Planeta Orgânico irá promover o Nordeste Sustentável com destaque para ações que envolvem:

    iniciativas de eco-turismo

     produtos orgânicos e do comércio justo,

     produtos do bioma Caatinga, indicação geográfica

     iniciativas comprometidas com sustentabilidade, biodiesel, microcrédito e energia solar



O público-alvo principal do Nordeste Sustentável serão atores do food sector, atores do turismo rural e sustentável, investidores interessados em parcerias com projetos sustentáveis nos temas acima citados. O Nordeste Sustentável irá fomentar o turismo diferenciado no Nordeste, comprometido com sustentabilidade, catalisando a demanda a ser gerada pela Copa do Mundo de 2014 para preparar produtores e comercializadores que possam atender às demandas de mercados mais exigentes.

Também foram palestrantes convidados no II SEMINÁRIO DE INOVAÇÃO NO AGRONEGÓCIO:

Sandra Caires (Pão de Açúcar)
Sandra apresentou o tema TENDÊNCIAS NO MERCADO DE ALIMENTOS ORGÂNICOS – BRASIL, apoiada em números do Supermercado Pão de Açúcar, que vem promovendo fortemente a presença de orgânicos em suas lojas. De 2008 para 2009 o a área e Frutas, Legumes e Verduras do Pão de Açúcar apresentou um crescimento de 38,5%.
Sandra destacou que apesar da crise mundial de 2009 a venda de produtos orgânicos no mundo cresceu 5%.

Fabio Ramos (Sitio do Moinho)
Fabio apresentou o Caso de sucesso do Sitio do Moinho (Itaipava, Rio de Janeiro) foi apresentado por Fabio Ramos, que iniciou o cultivo orgânico em 1989/1990, e foi pioneiro nos supermercados do Estado do Rio de Janeiro. Desde então o Sítio do Moinho vem buscando oferecer novos produtos orgânicos a sua clientela, e em 2004 lançou a 1ª Panificadora Orgânica certificada – Molino D’Oro (2004); Em 2007 foi 1ª empresa de FLV a receber o selo Ecosocial e desde 2007 promove parceria com a Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Educação de Petrópolis com alunos das Escolas Celina Schechener e Correia da Veiga oferecendo um curso de noções básica de agricultura e panificação orgânica.

Para 2010/2011 o Sítio do Moinho programa: Abertura da Loja do Sitio do Moinho na Barra da Tijuca; Aumento da importação de produtos orgânicos funcionais; Expansão das vendas nos diversos estados da federação; Desenvolvimento de novos produtos com aumento no valor agregado;

Ming Liu (Organics Brasil)
Ming Liu, Gerente do Projeto Setorial Integrado de Promoção de Produtos Orgânicos  apresentou a evolução do projeto que começou em 2005/2006 com 12 empresas e em 2007/2009 reuniu 61 empresas que exportaram para Estados Unidos, Japão, Alemanha, França, Itália, Reino Unido.

No biênio 2005/2005 o Projeto Organics Brasil exportou US$. 800.000,00 e no biênio 2008/2009 este valor saltou para US$68.300.000,00.

Os mercados prioritários para os próximos biênios são:
CANADÁ
CORÉIA DO SUL
REINO UNIDO
ALEMANHA
AUSTRÁLIA
ESTADOS UNIDOS
JAPÃO

Ubiratan Carvalho de Oliveira, COODAP -
Representando o Rio Grande do Norte, Ubiratan Carvalho de Oliveira, Produtor de Melão, COODAP, falou sobre a iniciativa que produz o primeiro melão FAIR TRADE no mundo. A COODAP – Cooperativa de Desenvolvimento Agroindustrial Potiguar – é composta por 20 cooperados. Ubiratan falou também sobre contrato assinado com Pillar Group/Univeg, para exportação de 120 mil  Kg de melão certificado FAIR TRADE.

Ações para Futuro previstas pela COODAP:
Certificação Fair Trade da geléia de melão e  Melancia;
Prospecção de novos mercados para produtos certificados Fair Trade;
Aumentar em 30% as vendas de Melão Fair Trade em 2010;
Ampliar o número de produtores;
Apoiar a Fundação Fair Trade no Brasil;
Instalação de kit de internet e computador na casa de todos os sócios;
Informatizar o sistema de rastreabilidade;
Escola de Inglês e Informática na Comunidade.

Manoel Cícero da Rocha – Ostreicultura

O projeto “Ostreicultura na Região do Litoral do Estado de Alagoas” iniciado em 2008 e com término previsto para 2010, vem apoiando 05 cultivos de ostras nos municípios de Barra de São Miguel (Palatéia), Coruripe (Barreiras), Maceió (Ipioca), Passo de Camaragibe (Barra) e Porto de Pedras. Foram constituídas 04 associações de produtores e o grupo de Porto de Pedras está ligado a Colônia de Pescadores Z-25. O SEBRAE e parceiros executam ações de associativismo, tecnologia e capacitação de 100 ostreicultores, que desenvolvem suas atividades nas lagoas e rios do Estado. Alguns resultados já são bem visíveis: as associações melhor organizadas adquiriram uma melhor visibilidade despertando nos órgãos públicos e privados um maior interesse em apoiá-los.

A produção deu um salto na qualidade e no volume por conta de doações de materiais para confecção de mesas de cultivo. Motivadas com as novas perspectivas, as associações buscaram financiamentos (BNB/PRONAF), objetivando a compra de material para construção de novas mesas em PVC em substituição as mesas de madeira, de vida útil curta. Dos cinco cultivos, quatro tiveram seus processos de licenciamento ambiental apresentados aos órgãos competentes, e um último está aguardando documentação para poder dar entrada. Em todas essas etapas o SEBRAE esteve sempre presente, capacitando, organizando e acompanhando a tramitação dos processos de licenciamento.

Veja abaixo a programação completa do II SEMINÁRIO DE INOVAÇÃO NO AGRONEGÓCIO., realizado em Maceió, Alagoas,  em 22 de junho 2010

________________________________________________________________________________________________

Garanta seu lugar na BioFach América Latina/ExpoSustentat 2010!

Duas Feiras reunindo orgânicos e sustentabilidade no mesmo local e na mesma data!

Clique aqui para falar conosco! Teremos prazer em lhe enviar a Newsletter da BioFach América Latina/ExpoSustentat 2010

________________________________________________________________________________________________

 

<< voltar