notícias

23 de Maio 2017

 

 

Pesquisa com especialistas indica preferência pelo sabor dos vinhos orgânicos; 88% são produzidos na Europa

Um artigo publicado no Journal of Wine Economics com especialistas em vinhos indicou uma vantagem na pontuação dos vinhos orgânicos em relação aos convencionais. O trabalho surgiu de uma iniciativa de professores da UCLA Institute of the Environment a a Anderson School of Management nos Estados Unidos.

O estudo foi chamado como “Does Organic Wine Taste Better? An Analysis of Experts´ Ratings” (o que significa “Vinhos Orgânicos têm Sabores Melhores? Uma Análise na Avaliação de Especialistas”).

Para surpresa nos resultados, cerca de dois terços dos produtores orgânicos não destacam esta informação em suas embalagens.

Durante a feira Vinitaly 2017, foi divulgado um relatório demonstrando que os vinhos orgânicos cresceram 295% na Europa e 280% no mundo entre 2004 e 2015. A produção europeia equivale a 88% da produção mundial de vinhos orgânicos.

Fonte: Journal of Wine Economics / Planeta Orgânico

________________________________________________________________________________________________

Cosmetopéia – Conhecimento Tradicional, Cosméticos e Biodiversidade

Jean Luc Ansel, presidente do maior cluster de cosméticos da União Européia, Cosmetic Valley, virá ao Green Rio 2017 para fazer uma apresentação sobre Cosmetopéia.

Mudanças importantes estão ocorrendo no estudo, na proteção e na valorização da biodiversidade e, sobretudo, das espécies de plantas. O Protocolo de Nagoya, emitido no Conferência de Nagoya em 2010, está inspirando novos avanços. Jean Luc Ansel está liderando o projeto Cosmetopéia, buscando parcerias internacionais, a fim de criar um registo completo de todas as plantas e conhecimentos tradicionais, utilizados para fins cosméticos. “Nosso objectivo é promover a inovação em cosméticos através da promoção de colaborações frutíferas, investigação académica e com equipes da indústria de cosméticos, apoiando as parcerias em pesquisa, negócios, especialmente com as pequenas e médias empresas, respeitando os direitos humanos e a natureza.”

Em outubro de 2016 Jean Luc Ansel esteve na Amazônia a convite do SEBRAE, numa agenda que envolveu desde visitas a Universidades a encontros com comunidades produtoras, incluindo um reunião com a Diretora do Sebrae Heloisa Meneses em Manaus, quando conversaram sobre a importância dos clusters para o desenvolvimento local e regional.

Durante o Green Rio 2017 Jean Luc Ansel também falará sobre seu desejo de promover   setor de cosméticos do Brasil e da América Latins no Salon Cosmetic 360, que acontecerá em Paris, em outubro 2017. Em 2016, o Salon Cosmetic 360 recebeu mais de 200 expositores de diferentes países, entre eles o Projeto Estruturante Sebrae Cosméticos de Base Florestal da Amazônia, cujo estande foi muito procurado e recebeu a visita do Embaixador do Brasil na França, Paulo Cesar de Oliveira Campos. O Diretor Superintendente do SEBRAE Amazonas, Aécio Flávio Ferreira da Silva, participou da cerimônia de abertura do Salon Cosmetic 360, que contou com a presença do Ministro da Economia e das Finanças da França, Xavier Niel.

_________________________________________________________________________________________________

Green Rio / Green Latin America reúne mais de 70 expositores do Brasil e Exterior

Alimentos orgânicos, cosméticos naturais, artesanato, inovações e outros produtos e novidades esteve no Green Rio de 11 a 13 de maio na Marina da Glória, Rio de Janeiro.

Em 2017, o SEBRAE promoveu a Praça da Biodiversidade. Neste espaço, esteve presentes diversos estados brasileiros, trazendo de frutas a cachaça orgânica, com direito a degustação, além de artesanato e moda verde. Cosméticos da Amazônia participaram novamente do Green Rio levando sabonetes, shampoos e aromas da floresta.

Os orgânicos esteve presentes no Green Rio, tanto em estandes de produtores tradicionais como Sítio do Moinho e Solo Vivo, quanto com tecnologias para agricultura orgânica e pelo Ministério da Agricultura. A SEAD participou com produtos da agricultura familiar, assim como laticínios, cachaças e água de coco, entre outros, pela Secretaria de Agricultura do Rio de Janeiro.

A Granado Pharmácias, reconhecida por fabricar produtos com base vegetal e ricos em extratos de plantas e ervas, montou um estande com serviço de massagem. A BioEssência levou cosméticos com certificação do IBD. Também possui uma linha de cosméticos naturais, assim como a Multi Vegetal, participou novamente do Green Rio.

Sustentabilidade presente através do Cooperativismo

O Sistema OCB e o SESCOOP/RJ participaram com cooperativas brasileiras, levando artesanato, café e laticínios. Além da palestra de abertura sobre cooperativismo de Roberto Rodrigues, o SICOOB faz ainda palestra sobre crédito ao pequeno produtor, apresentando a oportunidade aos visitantes do estande também. Quem visitou a feira também pode conhecer a campanha para arrecadação de pilhas, vídeos sobre reciclagem com a Coopfuturo e o Dia de Cooperar.

__________________________________________________________________________________________________

Mercado de sementes orgânicas em debate no Green Rio

Dia 11 de maio, no Green Rio / Green Latin America, ocorreu o Fórum “Mercado de Sementes Orgânicas” durante a Conferência Green Rio.

O debate foi de 14hs às 15h30 com a participação de Rogério Dias, do Ministério da Agricultura, Luis Demattê, da Korin, Luiz Rebelatto, do Sebrae e Carlos Lopes, da Grãos Orgânicos, com mediação de Sylvia Wachsner do CI Orgânicos/SNA. O evento teve apoio do Sebrae, CI Orgânicos/SNA e Planeta Orgânico.

A Sociedade Nacional de Agricultura publicou um artigo a respeito do mercado de sementes orgânicas, que é considerado um dos gargalos do setor.

_________________________________________________________________________________________________